07/03/2014

[RESENHA] #AZUL DA COR DO MAR


Hello bibouss, tudo okay? Que bom comigo também, a resenha que estou prestes a escrever é de um livro brasileiro de uma autora incrível. Azul da cor do mar, por Marina Carvalho. Eu sei gente, eu sei, nada de papo, vamos começar logo essa resenha, come on baby. PS: se estiver escrito errado culpem o Google tradutor.


Lido em: Março de 2014
Título: Azul da cor do mar
Autor (a): Marina Carvalho
Editora: Novo conceito
Gênero: Romance brasileiro
Ano: 2014
Páginas: 334
Avaliação: ★★
Sinopse: ACASO, DESTINO ou LOUCURA? No caso de Rafaela, Pode ser tudo isso junto. Para alguém como ela, nada é impossível. Rafaela sonha desde a adolescência com o garoto que viu uma vez, perto do mar, carregando uma mochila xadrez... A ideia fixa não a impediu, porém, de ser uma menina alegre e muito decidida. Ela quer ser jornalista, e seu sonho está se concretizando: Rafaela Vilas Boas (um nome tão imponente para alguém tão desajeitado) conseguiu um estágio no melhor jornal de Minas Gerais. Mas, como estamos falando de Rafa, alguma coisa tinha que dar errado. O jornal é mesmo incrível, mas seu colega de trabalho, Bernardo, não é a pessoa mais simpática do Mundo. Em meio a reportagens arriscadas e alguns tropeços, Bernardo acaba percebendo, contra a sua vontade, que Rafaela leva jeito para a coisa... E que eles formam uma dupla de tirar o fôlego. Mas e a mochila? E o garoto, o envelope, as cartas? Um dia a estabanada Rafaela vai ter que se libertar dessa obsessão.
      
    Rafaela Vilas Boas é uma jovem mineira que está prestes a concluir sua faculdade de jornalismo e por seu desempenho maravilhoso consegue um estágio no maior jornal de Minas Gerais. Quando Rafa tinha onze anos viu um garoto, que usava um boné cobrindo o  rosto e uma mochila xadrez que ela nunca se permitiu esquecer, dando início a um livro que ela escrevia sobre seus devaneios sobre o garoto da mochila xadrez. Mas o tempo passou e sempre que ela voltava para Iriri ele já não frequentava mais o lugar. 

       Os anos se passaram e Rafa vai para sua entrevista e consegue a tão sonhada vaga. Mas como ela mesma diz ‘alegria de pobre dura pouco’, Bernardo surge pela porta e as coisas não começam nada bem entre eles. Bernardo se desfaz dela e ela não consegue aturar as piadas sem graça (na verdade só pra ela), que ele insistia em fazer quando ela estava perto, ou seja ... Sempre.

       Bernardo transforma vida de Rafa num verdadeiro inferno e ela começa a sentir o peso do trabalho de uma estagiária de Jornalismo investigativo. Quando Rafa pensava que as coisas estavam melhorando Bernardo a tratava com um azedume que ela já tinha se habituado.

   
  Quando Gisele se intromete no meio dessa relação bipolar entre os dois, Rafaela não consegue mais esconder a verdade. Tudo começa a piorar mais ainda quando ela percebe o que antes no conseguia entender. Depois de várias pancadas e tropeços  (no sentido literal da palavra), Rafa consegue seu lugar ao sol.

Finalmente as coisas começam a melhorar, mas logo em seguida ha uma reviravolta só piorando ainda mais a vida conturbada dela, dando lugar a um sentimento de vazio no coração da Rafa. Mas o que será que acontece para deixa-la assim?

 

Como vocês já devem ter notado tenho um fraco por homens bonitos e com Bernardo não foi diferente Rafaela o descreve como um homem surreal e as amigas dão a entender que ele se parece com o... Chris Hemsworth, pode isso minha gente? Não pode. Imagina meu coração vendo um homem assim? Ataque total. 


Mas voltando a minha humilde opinião o livro é bem escrito e gostoso de se ler. A diagramação é hiper ultra mega power linda cada passagem de capítulo é um desenho (notebook, jornal etc.) e quando há uma pequena passagem de tempo... Desenhos minúsculos de coração e até micro garrafinhas ilustram o livro. Confesso que o final não me surpreendeu muito mas nada que prejudique minha opinião sobre uma estória de amor e ódio feita por Marina Carvalho.

Kissus
©
.
.
imagem-logo