18/04/2014

[RESENHA] #O MAGO DE CAMELOT



Ficha Técnica
Editora: Novo século
Páginas: 151
Autor: Marcelo Hipólito
Nota: ★★★★★
Sinopse: De uma infância pobre e sofrida à irresistível ascensão aos salões dos grandes reis; de um começo sem esperanças ao despertar de um poder inigualável e temido, Merlin vem a se tornar o homem mais influente da Idade das Trevas. Confidente supremo do rei Artur e maior conselheiro da corte de Camelot. Misterioso e enigmático. Amado e odiado. Druida, monge e mago. Na Britânia do Século V da Era Cristã - abandonada pela queda do Império Romano à barbárie dos invasores saxões, Merlin surge para impor um novo tipo de rei a um povo abatido e desesperado, alterando, para sempre, não apenas o destino dos britânicos, mas de toda a humanidade. A saga de um homem determinado a erigir uma civilização de paz e justiça numa terra devastada pelo caos e pela guerra irrompe em uma aventura épica e brutal que equilibra realismo duro com doses amargas de magia. “O druida, então, abriu um sorriso malévolo aos soldados saxões. Hengist gritava às suas tropas para se manterem firmes, mas sua vanguarda ruía à medida que um resoluto Merlin avançava, a passos largos, na sua direção. A defesa saxônica se fragmentava perante o pavor supersticioso imposto pela figura aterrorizante do druida. Face à derrota iminente, Hengist se desesperou, girando seu machado e galopando para Merlin. O druida estancou diante do ataque rápido e brutal do rei saxão. Sem tempo para conjurar um feitiço protetor, Merlin percebeu, tardiamente, a estupidez de seu erro. Em sua soberba e imaturidade, ambicionara vencer sozinho a batalha. Agora, contudo, sua queda restauraria o ânimo dos saxões, desgraçando o contingente britânico. Merlin experimentou o fragor das narinas do cavalo e o tremor do solo sob seus cascos potentes. O machado de Hengist se projetou para lhe separar a cabeça dos ombros”.

           Há muitos anos uma Maga gigante chamada Nimue atravessou o mar de foi parar em uma ilha somente habitada por homens que acabaram violentando-a e esta não resistiu e morreu. Foi jogada no oceano e apodreceu naquele lugar, o que gerou muitas lendas a respeito de sua morte.

“Merlin experimentou o fragor das narinas do cavalo e o tremor do solo sob seus cascos potentes. O machado de Hengist se projetou para lhe separar a cabeça dos ombros”.
           Depois de vários anos uma dupla de irmãos é pega acusada de roubo e estes ficam presos em um lugar fétido e sem alimentação no calabouço da fortaleza de Ratae. Depois de meses aprisionados, um homem vai buscá-los deste horrendo lugar e Merlin está quase morrendo, mas depois de três dias longe do calabouço este já apresentava sinais de melhora.

“Vivemos sob as intempéries, a mercê dos elementos e da caridade alheia. Percorremos as cidades, os campos e as aldeias... Se deseja governar o seu povo, antes precisa entendê-lo”.
           Blaise o homem que resgatou o par de irmãos, matou Nennius o irmão mais velho para realizar um sacrifício de purificação e assim tornar pura a torre de Vortigern. Mas a princípio Blaise iria matar Merlin, mas uma força invisível desviou sua adaga que acabou enterrada no corpo de Nennius.

             Ao sacrificar Nennius Blaise vê o futuro de Merlin e fica óbvio para o druida de o garoto é especial então ele lhe faz uma oferta que a princípio Merlin não compreende, o primeiro explica que ele o treinará se assim quiser , tornando um druida assim como ele.

“Nennius animou-se com a brisa quente no rosto. Merlin continuava febril, contudo, depois de três dias de viagem, começou a apresentar sinais de recuperação, mostrando-se mais corado e estável”.
            Logo Merlin torna-se aprendiz e começa a aprender rituais, feitiços e ele não tem dificuldade em aprender todas as lições impostas a ele. Os anos se passaram e agora Merlin com vinte e cinco anos desenvolveu afeto pelo homem que ele deseja matar. Mas será que Merlin o matou?...

           Merlin vai tendo mais conhecimento e por consequência seu poder só faz aumentar, ele sorrateiramente vai desenhando o destino de quem ele deseja manipular para por em prática seu plano. Ele deseja que Arthur um bebê que acabara de nascer seja o governante supremo que vai mudar a ordem e trazer a verdadeiro respeito entre seu povo. A mãe de Arthur acaba por morrer durante o parto e Merlin o leva para ser parte de uma família de origem simples.


            A principal razão de Merlin ter levado Arthur para uma família singela é o fato de assim o menino teria conhecimento do mundo como ele realmente é. Deseja que Arthur seja um rei justo e verdadeiro que faça sua parte para mudar a ordem e progredir mais a cada dia.

“A brutalidade do rei causou asco em Merlin, que tirava forças de sua profecia sobre o futuro da Britânia para suportar a arrogância e a malicia de Under”.
          Arthur acaba por se tornar rei e como rei ele tem sua rainha, uma mulher que não é manipulável o que acaba prejudicando e muito os planos de Merlin de lhe dar uma esposa submissa e subjugada. A partir daí os planos de Merlin começam a ficar imprevisíveis e ele tem que mudar algumas táticas para ser bem sucedido em seus planos.

“A saga de um homem determinado a erigir uma civilização de paz e justiça, numa terra devastada pelo caos e pela guerra irrompe em uma aventura épica e brutal que equilibra realismo duro com doses amargas de magia”. (Contra capa do livro)
      Bom bibouss posso afirmar que o livro é muito interessante, a forma como o autor criou um mundo tão cheio de ideais de justiça e ao mesmo tempo desordem, tornou o livro complexo e cheio de significado.


          Gostei muito da escrita do autor, que flui de forma natural, a diagramação é simples, porém sofisticada. Não encontrei erros na escrita e amei a capa. Achei muito bonita e misteriosa ao mesmo tempo.

             Eu super recomendo este livro e espero que gostem tanto quanto eu.
Kissus
©
.
.
imagem-logo