06/07/2014

[RESENHA] #INSTITUIÇÃO PARA JOVENS PRODÍGIOS

Hello bibouss, tudo okay? Hoje depois de muito tempo vou postar a resenha de um livro de Book tour aqui no blog. O Book tour foi realizado pelo blog Amantes da Leitura com o livro Instituição para Jovens prodígios da autora brasileira L.L. Alves que ao final do Book tour vai sortear o livro entre os blogs participantes, vamos torceu pra eu ganhar \o/

Lido em: Julho de 2014
Título: Instituição para jovens prodígios
Autor (a): L. L. Alves
Editora: Biblioteca 24 horas
Gênero: Literatura infantojuvenil
Ano: 2013
Páginas: 309

Avaliação: ★★★★

Sinopse: Do subúrbio carioca para uma Instituição de jovens superdotados na Inglaterra, Lara Müller, uma adolescente com todas as frustrações e inseguranças típicas da idade aprenderá que para realizar seu sonho é preciso fazer sacrifícios. Deixando tudo de mais precioso para trás, nossa protagonista precisa encarar uma nova realidade, muitas vezes assustadora... Quando Lara se deixa levar pela curiosidade e é atraída pelos novos ares de Sheffield coisas ligeiramente estranhas começam a acontecer... Por que ela sente como se alguns alunos a conhecessem? Por que parece que já fizera inimigos em tão pouco tempo? E, principalmente, quais os reais interesses dos mantenedores dessa poderosa instituição? Com uma nova melhor amiga ao seu lado, Lara começa a acreditar que está ficando maluca... É normal um pombo se comunicar com uma garota?
         Lara Müller é uma jovem de dezessete anos que tem uma vida normal, uma mãe dedicada, um pai amoroso e dois irmãos: Luana e Mário. Lara tem um propósito na vida que é estudar muito para ser alguém e poder ajudar financeiramente os pais.

Lara tem uma “amiga” na escola: Jéssica, mas a segunda não é nenhum exemplo de amizade sincera. Pelo contrário ela só era amiga de Lara para tentar se beneficiar com a inteligência fora do comum da suposta amiga.

Lara nutre uma paixão por Vinícius e este já deixou claro que ela não é do seu tipo. Ele prefere um tipo como a Jéssica. Lara supera essa paixonite e dá uma chance a Lucas que nutre um sentimento pela jovem há algum tempo. Deixando claro que ele gosta de Lara mesmo ela sendo inteligente além da conta e usando óculos de grau.

Lara é convencida pela mãe (Renata), a se inscrever para a prova que iria ser dada pela Instituição para Jovens prodígios, para ganhar uma bolsa na melhor escola do mundo, o que seria quase impossível para uma simples garota do Rio de Janeiro.

Mas o inesperado acontece e Lara passa neste exame extremamente difícil. Com a ajuda dos pais e dos avós ela consegue tudo que é necessário para essa viagem. Mas ela fica de coração partido por ter que deixar Lucas por quem a garota começou a sentir algo especial. Lucas não aceita muito bem essa mudança tão radical e prefere não manter contato com a jovem prodígio que ele gosta.

Lara finalmente vai para Inglaterra e começa seu ano letivo de maneira incomum. Tudo começa a ficar estranho quando um pombo começa a se comunicar com ela por pensamento. Óbvio que Lara pensa que está enlouquecendo. Mas não, ela não está.

Nessa escola/faculdade Lara faz amizade com Irene uma outra brasileira que também foi aprovada no exame. As duas engatam uma amizade e logo no começo já são grandes amigas. Lara também faz amizade com Hugh, Patrick e Akira. Hugh passou em primeiro lugar no exame sendo considerado o aluno mais inteligente da instituição. Patrick é do tipo esportista gosta muito de praticar esportes e está sempre feliz. Akira é um rapaz japonês que é um pouco tímido mas ao defender Lara de Robert ganhou a amizade da mesma.

Com o passar dos dias a cabeça de Lara é um turbilhão de emoções, o pombo ainda falava com ela, dizendo que ela deveria fazer escolhas, mas Lara não conseguia entender que escolhas eram essas. Esses encontros com o pombo nunca eram bem sucedidos visto que Lara quase sempre sentia fortes dores e por fim acabava desmaiando.

Lara vai descobrir esses mistérios envolvendo essa Instituição? E... O que será que esse pombo quer dizer quando disse pra ela na primeira vez que a viu: “You need to think about it... Only you can help all of us... Think Lara!” traduzindo: “Você precisa pensar sobre isso... Apenas você pode salvar todos nós... Pense, Lara!”.

Bom bibouss não posso mais falar nada, não quero estragar a estória. Gostaria de dizer que gostei bastante da trama, desde o princípio da leitura eu ficava me perguntando o que iria acontecer com Lara naquela instituição. Um mistério ronda as barreiras daquele lugar, fiquei bastante intrigada boa parte da estória, eu honestamente não conseguia decifrar o que iria acontecer.

O livro me pareceu um pouco grande, acho que a trama teria sido melhor sem tanto enrolar, mas mesmo assim o livro me cativou. O personagem que eu mais gostei foi Robert o cara que persegue Lara com olhares maliciosos e atitudes estranhas. O vilão se tornou meu favorito, espero que ele tenha mais destaque no livro 2.

A narrativa da autora é muito boa, adorei as descrições e eu devorei cada página. O livro tinha uma determinada capa e agora foi feita uma nova. A capa antiga era simples, mas eu coloquei na descrição a capa nova, particularmente achei ela muito mais interessante.

O livro é narrado em terceira pessoa, mesmo Lara sendo a protagonista ela não é autodiegética. Não encontrei erros significativos no livro, as folhas são brancas e o livro não possui orelha.

Bom bibouss, o livro me surpreendeu bastante em alguns quesitos e em outros não, mas fiquei curiosa com a continuação...
Kissus
©
.
.
imagem-logo