24/12/2014

[RESENHA] #INVERNO DE CINZAS


Hello bibouss, tudo okay? Hoje vou postar aqui no blog a resenha de um livro que entrou para os meus favoritos. Um livro lindo que possui continuação e já possui resenha do primeiro livro da série Foi assim que te amei, estou falando de Outono de Sonhos. Mas hoje se trata da resenha do segundo volume da série, Inverno de Cinzas, um livro apaixonante e comovente. Vamos começar? \o/

Lido em: Novembro de 2014
Título: Inverno de Cinzas
Autor (a): Adriana Brazil
Editora: Novo Século
Gênero: Ficção brasileira
Ano: 2013
Páginas: 280
Avaliação: ★★★★★+


Sinopse: Helen depara-se com o momento mais crítico da sua vida. Nada diferente do forte Inverno que está sobre o país naquele ano. Tristeza, solidão, ressentimentos, lágrimas e dor, sopram as folhas deixadas pelo Outono de sonhos que Helen viveu, trazendo o frio da estação ao seu interior. O cinza que cobre seus dias a leva para uma profunda depressão. Ela encontra nos amigos, na família e na fé a força para continuar. Ela desabafa seus sentimentos na sua agenda, colocando suas emoções sufocadas pela saudade, como um Inverno sem cores, onde tudo ao seu redor, está completamente frio, cinza e sem vida. Uma comovente história e uma lição de esperança para todos aqueles que estão passando pelo inverno.

No início da estória Helen Castilho uma jovem estudante está vivenciando a melhor época de sua vida. Ela encontrou Andrew Gamberini, um rapaz que ela se apaixonou antes mesmo de conhecer. Ela tem certeza no fundo de sua alma de que este amor é para sempre e que não medirá esforços para ficar ao lado de seu amor.

Mas tudo começa a mudar quando Andrew fica hospitalizado, logo após uma seção de quimioterapia, Helen fica ao seu lado, mas fica claro que ela não suporta a pressão e por isso acaba emagrecendo e seu semblante fica abatido, o que deixa Andrew extremamente chateado.

Visto que por ficar preocupada com ele e por faltar o trabalho por alguns dias, Helen é demitida da loja de perfumes que trabalhava e Andrew recebe uma terrível notícia. Uma notícia que abala suas estruturas e faz com que ele rompa seu romance com Helen, para viajar para São Paulo.

Andrew mesmo sem condições vai dirigindo até a casa de Helen, (seguido por Richard, seu melhor amigo) para se despedir da moça e declarar o fim do namoro. A notícia não é bem recebida por Helen que fica perplexa diante do término do namoro.

“Não sei o que fazer, não tenho para onde ir... Não me acho, não me encontro mais. Nas lembranças, achei um lugar silencioso para guardar minhas lágrimas”.

Andrew não deixa claro o motivo de sua partida, o que deixa Helen muito confusa e sem chão. Ao perceber que Andrew realmente foi embora, ela começa a se isolar de tudo e de todos, inclusive de sua família. Seus amigos tentam em vão animá-la, suas amigas tentam fazer com que Helen continue vivendo, mas tudo é em vão. Visto que Helen só se sente bem presa em seu quarto, escrevendo seus sentimentos em uma agenda.

O tempo vai passando e com ele Helen tenta viver sua vida, voltar a faculdade. Mas fica difícil, pois lá ela vê Richard e Alan que são os melhores amigos de Andrew. Ela começa a se esquivar dos rapazes alegando que ambos a faziam lembrar de algo que ela desejava esquecer.
E em meio a caminhos de amargura, ela se afasta de Alan e Richard mas logo percebe que não pode viver sem o carinho deles, o que a faz refletir sobre suas amizades e como está sendo egoísta com elas.

Os dias se arrastam lentamente e Helen comete alguns erros que só depois ela tem a oportunidade de consertar, e de entender os desígnios de Deus para a vida dela. Depois de tanto sofrer e de ficar só em seus pensamentos ela finalmente tem a oportunidade de concertar seus erros e se aproximar novamente de Deus e de seu amor, mas será que o orgulho e a mágoa a impedirá de seguir seus sonhos?


----------------------------------------------------------------------------


Bom bibouss, o livro é maravilhoso eu fico sem palavras para descrever a emoção que sinto em reler aquelas páginas de puro amor e tristeza. Fico pensando em como esta estória mexeu comigo e me deixou pensativa a respeito do que é realmente amar.

“Preciso me encontrar em meio a tantos remendos. Realmente, não serei eu mesma quando achar todas as partes. Ainda assim, preciso criar traços de esperança no meu coração tão ferido. Preciso calar seus gritos, chamando seu nome, tão magoado. Coitado, tem esperanças de que você pode ouvi-lo... E, em cada noite silenciosa que ele se aquietar, vou desejar que ele continue a bater e sobreviva em meio a tantas desilusões”.

Quando terminei de lê-lo, fiquei abraçada com o livro como se eu fosse parte da estória e finalmente tivesse encontrado a paz que eu tanto necessitava. Ao ver o desenrolar dos fatos fui tomada de uma alegria sem tamanho mediante o crescimento e amadurecimento de vários personagens, que me cativaram verdadeiramente.

Os protagonistas com seus defeitos e qualidade me mostraram a real essência do que é o amor, “Que tudo espera tudo suporta”. Essa frase é muito bela ao ser lida, mas ao ser vivido, é necessário que o amor de Deus esteja presente e guiando os caminhos, para que no futuro eles venham a se encontrar.

“Naquela manhã não era apenas meu corpo sentindo dores, sentia minha alma vazia, uma solidão, uma tristeza que não tinha Álex ou Andrew como motivo. Sarah tinha razão. Minha vida nunca mais foi a mesma desde o dia em que parei de Conversar com ele”.

Quanto ao livro físico, a capa é linda de morrer, combina perfeitamente com o enredo, as folhas são amarelas, a diagramação foi muito bem feita. A minha única crítica a o livro se deve a alguns diálogos que ficaram um pouco sem nexo. Mas isso só ocorreu duas vezes durante a leitura. Este livro em especial possui três narradores ao todo, dois protagonistas, portanto autodiegéticos sendo eles: Helen e Andrew e um narrador heterodiegético, ele é um personagem do livro, mas não o protagonista, sendo ele Alberto Gamberini, pai de Andrew.

Essa foi a resenha bibouss, espero que tenham curtido, se sim deem um like abaixo do título do post isso me ajuda muito na divulgação e crescimento do blog, e deixem nos comentários o que acharam e se já leram este incrível livro.

Kissus
  
©
.
.
imagem-logo