07/01/2015

[RESENHA] #PRIMAVERA DE CORES

Hello bibouss, tudo okay? Hoje aqui no blog mais uma super resenha rs, de uma autora nacional, Adriana Brazil pelo livro Primavera de cores. Já tem resenha de Outono de Sonhos e Inverno de Cinzas, se quiserem ver é só clicar no título do livro. Vamos começar? \/

Ficha técnica
Título: Primavera de cores
Autor (a): Adriana Brazil
Editora: Novo século
Gênero: Romance brasileiro
Ano: 2014
Páginas: 296
Avaliação: ★★★★★+

Sinopse: A Primavera chega a Florianópolis e com ela vários acontecimentos que irão marcar para sempre a estação das flores. Um clima de mistério envolve Helen e seu futuro. Um sonho tenebroso encontra seu repouso da noite e trará muito mais que um descortinar de acontecimentos vindouros, mas a revelação do seu próprio destino. Enquanto Helen firma sua esperança nas promessas de um sonho, ela passa a ser perseguida por dramas que acometerão não apenas sua trajetória, como também a das pessoas mais importantes de sua vida. A estação será marcada por suspense, romance e emoção. Uma tocante história com uma lição inesquecível sobre o perdão, a liberdade, o valor das amizades e o poder do amor.

O livro começa com um sonho de Helen, que na verdade é um sonho profético que aos poucos vai sendo compreendido pela mesma. A princípio ela não entende do que se trata, ao acordar fica assustada e sente que está chorando. Mas tudo não passou de um sonho... Será?
Helen Castilho depois de sofrer muito por ser deixada por Andrew reencontra a paz que necessita ao se reaproximar de Deus. Logo depois Andrew retorna deixando Helen sem chão. Neste volume, Helen e Andrew já voltaram e estão felizes novamente.
Andrew retorna para a UFSC, para cursar o 5º período de teatro. Helen fica eufórica com a notícia e apoia Andrew totalmente. Mas tudo tem seu lado ruim, pois Karen antiga namorada de Andrew fica dando em cima do rapaz mesmo sabendo que ele tem uma namorada extremamente ciumenta.
Helen tenta se controlar e fica com o ciúme preso na garganta. Andrew finalmente começa seus estudos e logo é convidado para estagiar no Rio de Janeiro. Helen gosta da notícia, mas fica triste por ficar um mês sem o namorado. 
“ - Não durmam sem resolver algum problema. A falta de comunicação e a ausência do perdão criam, no interior, raízes de amargura. É mais fácil derrubar um tijolo do que uma muralha inteira”.
Andrew promete que irá visita-la nos fins de semana e a menina vai para a casa de uma grande amiga. Caminhando pelas ruas ela atende ao telefone e é Andrew, revelando que estava logo a frente dela. A moça fica emocionada e corre ao encontro de seu amor. Andrew convida Helen para ir conhecer o Rio e diz já ter pedido permissão aos seus pais para leva-la.
Helen e Andrew ficam na casa dos tios de Andrew, que é muito bem recepcionado por eles. Mas dormir a uma parede do seu amor torna as coisas mais difíceis entre Helen e Andrew, visto que o rapaz vai até a porta da moça, querendo beijá-la e ter algo mais.
Helen fica temerosa, mas aceita os beijos, mas logo percebe que não é o certo e se esquiva do rapaz, deixando-o louco de amor. Eles passam dias excelentes no Rio de Janeiro e logo voltam para Santa Catarina.
Andrew aceita conversar com seu pai que está afastado há muito tempo e coloca tudo que ficou entalado na garganta por tanto tempo. Os dois conversam e as coisas se esclarecem. Andrew prepara uma surpresa para Helen e a leva para uma noite mágica, tocando ao vivo suas composições.
Andrew leva Helen para fora e faz uma pergunta que mudará o destino desse casal apaixonado. Mas a inveja e o mal tentam prejudicar o amor desses enamorados, somente Deus está no controle e em meio a dor e sofrimentos eles crescerem e se preparam para vivenciar algo que nem imaginam, será que vão vencer?
Então bibous, eu li este livro incrível e não pude deixar de me emocionar fortemente e de chorar copiosamente com a estória mais doce que já tive o prazer de ler. Adriana conseguiu captar novamente o sentimento mais puro e sincero nas páginas deste livro.
Volto a bater na mesma tecla de que este livro tem o carinho de Deus pois me tocou da mesma forma que Outono de Sonhos e Inverno de Cinzas. Fiquei abraçada ao livro tentando absorver tudo que lia e aos poucos fui percebendo como o amor se transforma.
Falando de alguns personagens sem serem os protagonistas, quero destacar Alberto Gamberini (pai de Andrew), Sarah Massao e Alan amigos dos protagonistas que tiveram grande destaque neste livro, o que aconteceu com o casal me emocionou muito além dos protagonistas esses dois me fizeram suspirar. 
“ - Alan... é Sarah, sua namorada - fala Andrew”.
Outro personagem que ganhou meu respeito neste livro foi o Álex Carter, que se mostrou uma boa pessoa apesar de não me agradar tanto nos outros livros.
Quanto ao narrador, neste livro foram vários: Helen (protagonista), Andrew (protagonista), Alan Schmidt, Richard Sulzbach, Alberto, Anna, Sarah, Paulo Castilho me perdoem se eu me esqueci de algum é que foram muitos.
Falando agora do designer, a Novo século caprichou, as folhas são amarelas, a diagramação é linda, a cada passagem de capítulo flores envolvem o título. A capa é linda, sem comentários. Mas preciso destacar que alguns diálogos ficaram um poucos sem nexo, mas foram um ou dois no máximo.
Só um ponto no livro me desapontou, achei Helen muito infantil em algumas cenas, parecia uma menina mimada que não dava atenção aos conselhos de ninguém e isso me decepcionou visto que ela sempre foi uma boa moça. Mas depois ela se recompôs e eu voltei a sentir o mesmo carinho por ela, que senti nos outros livros.
Bom bibouss, é isso espero que tenham curtido se sim deem um like abaixo do título do post e deixem nos comentários o que acharam da resenha, ou se já leram algum livro da autora.

Kissus \/
©
.
.
imagem-logo