07/12/2015

[RESENHA] #AMOR NAS ENTRELINHAS

 
Hello bibous, tudo okay? No post de hoje uma resenha de um livro de parceria com o autor Ricardo Biazotto, ele tem um conto intitulado "Um vírus chamado amor" dentre vários de outros autores brasileiros dentro deste livro repleto de contos, vamos começar? \o/

Ficha técnica
Título: Amor nas Entrelinhas
Autor (a): Ricardo Biazotto (um dos autores)
Editora: Andross
Gênero: Contos de amor
Ano: 2014
Páginas: 308
Avaliação: 


Sinopse: O papel tem magia de acolhes palavras difíceis de serem ditas em voz alta, e que, muitas vezes, foram manchadas por lágrimas de alegrias ou de tristezas, correspondidas ou rejeitadas. Amor nas Entrelinhas é uma coletânea de cartas de amor, escritas por quem soube transpor para o papel todas as cores do coração e as sutilezas do amor.




Amor nas entrelinhas é um livro de contos de amor em forma de carta, e-mail, páginas de diário, reunido por Diversos autores e teve como organizador Leandro Schulai que também tem um conto neste livro.
O autor Ricardo Biazotto foi o autor que me deu este livro de cortesia para ser livro e resenhado no blog. Seu conto tem como título “Um vírus chamado amor”. Todos os contos deste livro foram muito interessantes, em alguns o amor triunfa e em outros é esquecido.
Os contos são sobre o amor, mas com temáticas diferentes, em alguns o amor não é correspondido, e em outros o amor da pessoa morre ao esperá-lo por tantos anos. Este livro me fez rir e me fez ficar triste. Teve estórias muito lindas e comoventes e outras que me deu raiva e me deu zangada. 
“– Sim, eu aceito o seu perdão. Aceito o seu amor – suspirei ao pensar que ele sofreu um grave acidente ao voltar para me encontrar. – Também te amo até que o meu coração pare de bater, Carlos! Também te amo...”.
 Todos os contos falam sobre um amor romântico, não um amor qualquer, mas com uma força que os puxa para ficarem juntos, entretanto alguns não aceitam este amor e acabam ficando solitários e morrendo sem viver uma grande paixão.
Li diversos contos e me toquei como para algumas pessoas o amor é algo supérfluo e sem valor, que pode ser deixado de lado como um sapato velho, e como para outras pessoas o amor é algo que deve ser intenso e vivido da melhor forma possível.
O livro possui diversos narradores autodiegéticos, possui folhas brancas, diagramação simples e tem uma capa bonita, mas podia ter uma resolução melhor. Eu gostei deste livro de contos e recomendo aos amantes pela literatura.
Essa foi a resenha espero que tenham curtido, fiquem de olho nas redes sociais e deixem nos comentários se já leram ou querem ler esse livro.
Kissus
©
.
.
imagem-logo